Alunos defendem projetos no Parlamento Estudantil

A Câmara de Mogi das Cruzes realizou, nos dias 25 e 26 de novembro, as sessões ordinárias do Parlamento Estudantil, nas categorias infantojuvenil e jovem. No total, oito alunos do Colégio Brasilis foram selecionados para participar do evento. Em um gesto de cidadania, todos tiveram a oportunidade de subir na tribuna do Poder Legislativo e defender os projetos de lei que elaboraram para o município.

A sessão ordinária da categoria infantojuvenil, que reúne os estudantes do Ensino Fundamental, foi realizada no dia 25 de outubro. Três alunos do Colégio Brasilis estiveram presentes e puderam explicar a importância dos projetos elaborados por eles. As propostas foram votadas e aprovadas pelos demais vereadores.

Confira os projetos dos alunos do Ensino Fundamental:

1 - Os projetos apresentados por ele para criação de um aplicativo gratuito de avisos sobre eventos, campanhas e atividades da cidade de Mogi das Cruzes.

2 - Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de instituição de hortas sustentáveis nas escolas de Ensino Fundamental das redes pública e particular de Ensino, no município de Mogi das Cruzes.

3 - Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade dos estabelecimentos comerciais (bares, restaurantes, lanchonetes, hotéis e similares) incluírem nos seus cardápios alimentos isentos de glúten e lactose.

Já os estudantes do Ensino Médio participaram da sessão ordinária realizada no dia 26, referente à categoria jovem do Parlamento Estudantil. O Colégio Brasilis teve cinco alunos selecionados, sendo que um deles compôs a Mesa Diretiva. Eles elaboraram propostas em áreas como Saúde, Meio Ambiente e Proteção de Animais. Todos foram votados e aprovados.

Confira os projetos dos alunos do Médio:

1 - Projeto dispõe sobre a instituição da Semana de Prevenção ao Suicídio de Jovens, desencadeados por bullying, depressão, violência sexual e uso de drogas e álcool.

2 - Projeto dispõe sobre a construção de clínicas médicas de reabilitação e atendimento especializado de obesidade e de doenças decorrentes de obesidade.

3 - Projeto dispõe sobre a fixação de multa para veículos com emissão excessiva de fumaça e criação de programa de conscientização sobre os prejuízos causados ao Meio Ambiente e à saúde dos cidadãos.

4 - Projeto dispõe sobre a instituição de movimento jovem de incentivo à doação de sangue, de forma que os serviços públicos do município não fiquem desfalcados.

5 - Projeto dispõe sobre a instituição de programa de controle de abandono de animais nas ruas do município de Mogi das Cruzes.

Todas as sessões foram acompanhadas por vereadores mogianos, que conversaram com os alunos sobre a importância do Parlamento Estudantil. Os alunos tiveram a chance de conhecer de perto como trabalham os parlamentares e entender como funcionam os ritos do Poder Legislativo.

Sobre o parlamento

O Parlamento Estudantil é um evento realizado anualmente na Câmara de Mogi das Cruzes e possibilita aos estudantes de escolas públicas e particulares do Município a vivência do processo Legislativo. Neste ano o Parlamento foi dividido em duas categorias: vereadores infantojuvenis, composta por 23 alunos do 5º ao 9° ano do Ensino Fundamental e vereadores jovens, composta por 23 alunos do 1° ao 3° ano do Ensino Médio.